Etimologia #51: Dura-máter e Meninge

Na Grécia antiga, Erasístrato e Aristóteles consideravam como meninges (meninx) as duas membranas que revestiam encéfalo e medula: uma externa e outra interna.

Acredita-seque o termo latino dura-máter tenha relação com al-dimag, palavra formulada por autores árabes que costumavam empregar descritores a partir de nomes familiares como mãe, pai, irmão etc.

Assim, dura-máter seria uma mãe (mater) muito forte e severa (dura), o que condiz com o papel de proteção dessa membrana espessa e resistente que envolve o sistema nervoso central.

Referência:

Fernandes, Geraldo José Medeiros. Eponímia: glossário de termos epônimos em Anatomia; Etiologia: dicionário etimológico da nomenclatura anatômica. São Paulo. Plêiade, 1999.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s